INÍCIO / FUTEBOL PROFISSIONAL / NOTÍCIAS / A LEI DO MAIS FORTE
Auriverdes deram boa réplica mas Rio Ave superiorizou-se no João Cardoso (1-3)
 
 

12/2/2017
A LEI DO MAIS FORTE
Auriverdes deram boa réplica mas Rio Ave superiorizou-se no João Cardoso (1-3)



Do Rio Ave já se esperava um adversário difícil, que gosta de ter bola e assumir o jogo, e assim se confirmou num João Cardoso onde o Tondela, desta vez, não se conseguiu impor.

Foram algumas as oportunidades desperdiçadas pelos auriverdes, outras tantas negadas por Cássio, enquanto do outro lado a eficácia foi muita dos vilacondenses.

O jogo, ainda assim, ficou desbloqueado para os visitantes logo aos 9 minutos quando Hélder Tavares caiu sobre Geraldes e Bruno Esteves assinalou grande penalidade. Pelé na conversão bateu Cláudio Ramos.

Ao cair do pano do primeiro tempo Tomané teve o golo nos pés mas caiu na área quando tentava contornar Cássio.

Na entrada da segunda parte o Rio Ave aumentou a vantagem. Passividade na defesa tondelense e Guedes demasiado sozinho a desviar com facilidade para o 2-0.

O Tondela tentava como podia atingir a baliza de Cássio e Tomané finalmente conseguiu-o aos 52 minutos ao fazer o que não fizera na primeira oportunidade. Deixou Cássio no chão e atirou para a baliza deserta.

Esperava-se a cavalgada no marcador, tantas vezes conseguida pelo Tondela, mas este Rio Ave foi muito forte na gestão do jogo e do resultado. Venceu bem e com justiça, ampliando o resultado por Rúben Ribeiro aos 80 minutos.

No final da partida os treinadores do CD Tondela (Pepa) e do Rio Ave (Miguel Cardoso), entraram juntos na sala de imprensa do Estádio João Cardoso e realizaram porventura a primeira conferência de imprensa pós-jogo conjunta do futebol português em contexto de campeonato. Aceitaram de pronto o repto de CD Tondela e Rio Ave num acto simbólico de clubes e profissionais que valorizam o futebol, o espectáculo, os jogadores, os adeptos, o fair-play e que demonstram assim que, vencendo ou perdendo, é possível falar-se de futebol, lado a lado. Dentro do campo adversários, fora dele agentes com a mesma paixão: o desporto-rei.

No próximo sábado há Liga NOS no estádio do CD Aves (16h).



Jogo no Estádio João Cardoso, em Tondela

Assistência: 1276 espectadores

Árbitro: Bruno Esteves

Ao intervalo: 0-1

Marcadores: Pelé (9 de g.p.), Guedes (47), Tomané (52) e R. Ribeiro (80).

Acção disciplinar: cartão amarelo a Pelé (31), Tomané (44), Bruno Monteiro (55) e Tarantini (71).



CD TONDELA 1

Cláudio Ramos, David Bruno, Nick Ansell, Ricardo Costa, Joãozinho, Bruno Monteiro, Hélder Tavares, Murilo, Miguel Cardoso, Heliardo e Tomané

Substituições: Bruno Monteiro por Pedro Nuno (64) e Miguel Cardoso por Tyler Boyd (66).

Suplentes não utilizados: Ricardo Moura, Fahd Moufi, Pité, João Vasco e Wagner.

Treinador: Pepa



Rio Ave 3

Cássio, Lionn, N.Monte, Yuri Ribeiro, Guedes, Tarantini, R.Ribeiro, F.Geraldes, João Novais, Pelé e Marcelo

Substituições: João Novais por Barreto (70), F.Geraldes por P. Moreira (76) e Guedes por Marcão (83).

Suplentes não utilizados: Rui Vieira, Bruno Teles, Karamanos e Nuno Santos.

Treinador: Miguel Cardoso










 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
      

 
PÁGINA INICIAL  .  POLÍTICA DE PRIVACIDADE  .  TERMOS DE UTILIZAÇÃO
POWERED BY IVICEVERSA