INÍCIO / FUTEBOL PROFISSIONAL / NOTÍCIAS / EMPATE AMARGO MAS JUSTO
Tondela entrou a pontuar na Liga 2020/21
 
 

9/21/2020
EMPATE AMARGO MAS JUSTO
Tondela entrou a pontuar na Liga 2020/21



A tradição ainda é o que era e o Tondela manteve o histórico de nunca ter vencido na jornada inaugural desde que está na Liga NOS.



Desta feita empate a uma bola em casa frente ao Rio Ave, num duelo em que Ricardo Alves fez de cabeça um 1-0 aos 10 minutos respondendo de forma assertiva a um ponta de canto superiormente marcado por Salvador Agra.



Com ritmo alto e pressão constante, os auriverdes estiveram perto do 2-0 aos 19’ quando Pedro Augusto atirou ao poste direito dos rioavistas.



No segundo tempo e claramente a pagar a fatura do desgaste físico do primeiro tempo, os auriverdes conseguiram aguantar o maior caudal ofensivo do Rio Ave com várias intervenções de Niasse a evitar o empate. No entanto a igualdade acabou mesmo por surgir em pleno tempo de descontos com o emblema de Vila do Conde a estabelecer o empate amargo para as aspirações beirãs mas que acaba por ser o resultado mais justo.



Confere a ficha do jogo:



Estádio João Cardoso, Tondela



Árbitro: Rui Costa



CD Tondela: Babacar Niasse, Bebeto (Tiago Almeida, 76’), Yohan Tavares, Ricardo Alves, Filipe Ferreira, Pedro Augusto, Jaquité, Jaume, João Pedro (Jota, 84’), Tomislav Strkalj, Salvador Agra (Rafael Barbosa, 70’);



Suplentes: Pedro Trigueira, Jota, Ruben Fonseca, João Mendes, Tiago Almeida, Rafael Barbosa, Arcanjo;



Treinador: Pako Ayestarán.



Rio Ave FC: Kieszek, Nélson Monte (Francisco Geraldes, 74’), Borevkovic, Aderlan Santos, Pedro Amaral, Carlos Mané, Tarantini (Meshino, 86’), Jambor, Diego Lopes, Piazon (Bruno Moreira, 46’), Gelson Dala (Gabriel Souza, 73’);



Suplentes: Léo Vieira, Filipe Augusto, Costinha, Rúben Gonçalves, Pijnaker, Meshino, Gabriel Souza, Francisco Geraldes e Bruno Moreira;



Treinador: Mário Silva.



Disciplina: Cartão amarelo para Tomislav Strkalj (88 minutos).



Marcador:



1-0, Ricardo Alves, 10’



1-1, Meshino, 90’+2’