INÍCIO / MEDIA / TODAS AS NOTÍCIAS / UM PERCALÇO ANTES DAS ÚLTIMAS CURVAS
Tondela perde em casa do Boavista (1-0)
 
 

4/29/2017
UM PERCALÇO ANTES DAS ÚLTIMAS CURVAS
Tondela perde em casa do Boavista (1-0)



Depois de duas vitórias seguidas, algo inédito na presente temporada, o Tondela partia para o Bessa com a vontade de averbar novo registo ímpar com a primeira vitória fora de casa. Pela frente uma equipa que vinha de cinco jogos sem vencer e sem marcar qualquer golo.

Não conseguiram os auriverdes tal desiderato até porque os primeiros 45 minutos, pelo menos, foram completamente desperdiçados frente a um Boavista que, apesar dos muitos passes falhados, ia criando oportunidades e obrigado a defesa tondelense a trabalhos redobrados.

Iuri Medeiros fez o primeiro tiro de teste aos 18 minutos com Cláudio a defender de forma apertada e Schembri tentou mais tarde um remate à meia volta mas à figura do guardião do Tondela.

Sucediam-se os assomos de perigo junto à área tondelense e no cair do pano a melhor oportunidade para os axadrezados. Iuri Medeiros recebeu a bola em posição frontal, rematou forte mas Cláudio Ramos defendeu e encaixou com total segurança.

O início da segunda parte também não foi famoso para os auriverdes que continuavam a ver jogar o Boavista sem conseguirem colocar em perigo a baliza de Vagner.

Pepa mexeu com o jogo ao meter Heliardo no lugar de Murilo e a resposta foi a melhor oportunidade de golo até então.

Corria o minuto 64 com uma situação de 2 para 1 e Heliardo, que tinha Jhon Murillo solto à esquerda, visou a baliza com um remate cruzado mas Vagner correspondeu com defesa apertada.

No imediato seguimento deste lance o Boavista desenhou a melhor jogada do jogo, ainda que muito consentida pelos tondelenses, e chegou ao único golo da partida.

A bola percorreu quase meia equipa dos boavisteiros enquanto se aproximavam da baliza e Iuri Medeiros finalizou de forma tranquila.

O golo parece ter intranquilizado um pouco o Tondela que ainda consentiu mais um par de ocasiões ao Boavista. Um duplo duelo entre Renato Santos e Cláudio Ramos que o segundo venceu sempre.

Já no minuto 90 mais uma defesa com os pés de Cláudio a evitar o segundo aos boavisteiros.

Pouco Tondela, muito pouco, só poderia ter um resultado assim. A equipa nunca se conseguiu afirmar no jogo e discutir a vitória que a poderia tirar, ainda que provisoriamente, dos lugares de despromoção.

Restam três jornadas na Liga NOS e domingo o Tondela recebe o Vitória FC no João Cardoso (16h).



Jogo no Estádio do Bessa, no Porto

Assistência: 4502 espectadores

Árbitro: Vasco Santos

Ao intervalo: 0-0

Marcador: Iuri Medeiros (65)

Acção disciplinar: cartão amarelo a Talocha (47), Claude Gonçalves (72), Osorio (77) e Kaká (90+2)



Boavista 1

Vagner, Lucas, Talocha, F. Espinho, A. Carvalho, Mesquita, Schembri, Idris, I. Medeiros, Philipe e Bukia

Substituições: A. Carvalho por Makhmudov (61), Bukia por R. Santos (71) e Schembri por Idé Gomes (79).

Suplentes não utilizados: M. Meira, Rochinha, Edu Machado e C.Santos.

Treinador: Miguel Leal



CD TONDELA 0

Cláudio Ramos, Jaílson, Osorio, Kaká, David Bruno, Claude Gonçalves, Hélder Tavares, Miguel Cardoso, Pedro Nuno, Murilo e Jhon Murillo

Substituições: Murilo por Heliardo (63), Pedro Nuno por Wagner (68) e Miguel Cardoso por Dylan (74)

Suplentes não utilizados: Ricardo Janota, Pica, Bruno Monteiro e Ruca.

Treinador: Pepa










 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
      

 
PÁGINA INICIAL  .  POLÍTICA DE PRIVACIDADE  .  TERMOS DE UTILIZAÇÃO
POWERED BY IVICEVERSA