INÍCIO / MEDIA / TODAS AS NOTÍCIAS / XEQUE-MATE AURIVERDE
Vitória do CD Tondela em jogo de superação
 
 

4/19/2019
XEQUE-MATE AURIVERDE
Vitória do CD Tondela em jogo de superação



Xeque-mate! O CD Tondela venceu esta sexta-feira o Boavista por 1-0 e alargou a vantagem para zona de despromoção na Liga NOS.

Num jogo que tinha tanto de difícil como de importante, o conjunto treinado por Pepa colocou-se na frente do marcador aos 17 minutos na sequência de um canto superiormente batido por David Bruno e que acabou desviado por Sparagna para dentro da própria baliza. Estava feito o 1-0 que não mais se alterou.

No entanto o marcador podia ter terminado com números diferentes já que os auriverdes tiveram oportunidades no primeiro e no segundo tempo para aumentar a vantagem.

Tal e qual um jogo de xadrez, a paciência e o controlo emocional tiveram um papel muito importante na vitória tondelense. Sempre ligados à corrente, a união e a superação do grupo de trabalho foi um "reforço" fundamental para ser possível festejar-se a conquista de mais três pontos.

Com este triunfo estamos mais longe dos lugares perigosos e mais perto do nosso objetivo, no entanto nada está ganho e por isso na próxima jornada o objetivo continua a ser só um - vencer na Madeira.

Uma palavra para a grande moldura humana que quase encheu as bancadas do Estádio João Cardoso. Convosco desse lado tudo se torna mais fácil de conquistar.

Boa Páscoa e na segunda-feira estamos de volta.

#juntos #SEMPRETONDELA


Ficha de jogo:

Estádio João Cardoso, Tondela

Assistência: 3398 espectadores

Árbitro: Artur Soares Dias


Tondela: Cláudio Ramos, David Bruno, Ícaro Silva, Jorge Fernandes, Joãozinho, Xavier (Pité, 61'), João Pedro, Bruno Monteiro, Murillo (Delgado, 78'), Patrick Fernandes (Sergio Peña, 68'), Tomané;

Suplentes: Pedro Silva, Pité, Moufi, Sergio Peña, João Mendes, Jaquité, Delgado;

Treinador: Pepa.

Boavista: Rafael Bracali, Talocha, Neris, Jubal, Edu Machado, Yusupha, Sparagna (Mateus, 46'), Gustavo Sauer, Fábio Espinho (Alberto Bueno, 66), Matheus Índio (Federico Falcone, 46), Rafael Costa;

Suplentes: Assis Giovanaz, Gonçalo Cardoso, Mateus, Perdigão, Alberto Bueno, Carraça e Federico Falcone;

Treinador: Lito Vidigal.

Disciplina: Cartão amarelo a Ícaro Silva (23'), Yusupha (45'+2'), Talocha (56'), Jubal (67');

Marcador:

1-0 Sparagna, 17' (ag)

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
      

 
PÁGINA INICIAL  .  POLÍTICA DE PRIVACIDADE  .  TERMOS DE UTILIZAÇÃO
POWERED BY IVICEVERSA